top of page
Buscar

In A Violent Nature, de Chris Nash,traz nova pespectiva para o gênero Slasher.



O filme de terror "In A Violent Nature" traz um ponto de vista inovador para o gênero slasher, ao focar na visão do assassino. Dirigido por Chris Nash, o longa desafia as convenções estabelecidas, oferecendo uma abordagem que surpreendeu tanto críticos quanto o público.


Historicamente, narrativas envolvendo serial killers foram exploradas de diversas formas. O gênero investigativo tem exemplos marcantes, como a serie de televisão Dahmer e o filme A irresistível face do mal que narra a historia de Ted Bundy. No entanto, o subgênero slasher é caracterizado por sua simplicidade aparente, onde assassinos perseguem suas vítimas de forma brutal, o que pode ser visto como uma forma de arte criativa, como ilustrado pelo famoso livro do Chucky.


O diretor Chris Nash explora essa complexidade criativa em "In A Violent Nature", oferecendo uma perspectiva distinta ao colocar o assassino como protagonista. Tradicionalmente, filmes slasher seguem um padrão bem definido, que foi ironicamente evidenciado em "Pânico 1", transformando-o em um clássico do gênero. Esse formato clássico é visto em produções dos anos 80, como "Chamas da Morte", e em jogos contemporâneos como "Homebody" e "The Texas Chainsaw Massacre".


"In A Violent Nature" subverte essa fórmula ao contar a história do ponto de vista do assassino, ao invés das vítimas. Essa mudança de perspectiva proporciona uma nova camada de profundidade e complexidade ao gênero, destacando a habilidade narrativa e a inovação de Nash. Ao focar em um vilão silencioso, o filme oferece uma experiência única e envolvente, que promete deixar uma marca significativa no gênero slasher.


Confira essa abordagem inovadora no filme "In A Violent Nature", que certamente adiciona uma nova dimensão ao terror clássico.

100 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page